sexta-feira, 17 de junho de 2011

Disse-me o Padre...



... que eu havia recebido um grande Dom de Deus, o de me deixar conduzir por Ele e que era verdadeiramente D'Ele, porque me ultrapassava! - Olhei-o com desconfiança, não com desconfiança do Padre, mas do que quereria dizer com tudo aquilo...

Não o entendi na integra, mas guardei...

Hoje tinha um convite já aceite, para algo que eu não queria fazer... não era um mau convite, mas em nada eu sentia que me fosse favorecer, ajudar ou fazer bem... nem a mim, nem a ninguém.

Aceitei por respeito, para não ferir susceptibilidades e confiei que tudo se daria coforme a vontade de Deus.

Para grande surpresa minha e de quem viu... fui precisa noutro lugar, noutra situação... noutro enredo... muito mais meu, muito mais util e necessário!

Louvor e Glória a Deus, que é um Pai atento aos seus filhos.

2 comentários:

malu disse...

Deus ajuda quem colabora com Ele e sabe com quem pode contar - tu.

Bjs!

Filha de Maria disse...

"Madrinha" Malu;

Obrigada pelas tuas palavras... que me encorajam. Beijinho fraterno