segunda-feira, 25 de junho de 2012

O meu Bispo...




... perguntou se também nós queríamos ser santos, assim como S. João Baptista. Respondemos-lhe que sim, e no fim, o nosso Bispo recordou-nos da nossa resposta. 

Saí feliz... mas não demoraria mais do que 2 horas, para me porem à prova, para me humilharem... para... me ofenderem... não sei se é demência, se é prazer de humilhar....

"Oh, mãe... o que foi isto?" - E as lágrimas caiam-lhe pelo rosto... encolhi os meus ombros e de olhos marejados, estendi-lhe os meus braços e beijei-lhe a cabeça... esperei que se acalmasse e que conseguisse secar as lágrimas e depois fomos passear. 

Não falámos sobre o  assunto, até porque nem sei o que dizer... mas a verdade... é que sinto os meus braços a desfalecer, a força a ir-se e não sei se sou Santa, para levar "isto" até ao fim... até onde Deus, quer que eu chegue...

Renova-me, Senhor JESUS!
Fortalece-me, Senhor JESUS! 

Sem comentários: